Publicado por: Diéfersom | 23/09/2009

[Review] Sailor Moon – Fase Clássica

Serena/Usagi no meio; à sua esquerda Ami e Rei (longos cabelos pretos); abaixo dela Makoto e Aino (longos cabelos loiros).

Serena/Usagi no meio; à sua esquerda Ami e Rei (longos cabelos pretos); abaixo dela Makoto e Aino (longos cabelos loiros).

Assistir um anime clássico uma década depois que foi exibido é algo anormal. No mínimo. Por motivos de ordem maior não pude assistir alguns animes na época da Manchete. Mas, agora que a procura por estes animes está facilitada através de arquivos de dual áudio, fansubs legendando arquivos com qualidade ótima e isso tudo sendo disponibilizado em tamanho e hosts acessíveis finalmente pude assistir alguns clássicos.

Sailor Moon é um dos últimos animes que assisti. Tive que me preparar psicológicamente já que existia uma divisão rígida entre Shounen e Shoujo até algum tempo atrás. Então, na minha cabeça Sailor Moon era anime de guria. Não que não seja, mas hoje não dá prá simplesmente colocar dessa forma… com o aumento de gêneros e a mescla entre eles fica difícil catalogar um anime em Shounen e Shoujo (exceto Naruto, Bleach, One Piece e derivados…).

Quando a vontade, coragem e tempo finalmente chegaram comecei a assistir.

Devo reconhecer que até pelo episódio 15 achei a série muito ruim. A Serena/Usagi mesmo sendo uma garota com defeitos e uma personalidade comum de se encontrar acaba sendo chata demais. São as demais Sailors que, na minha visão, seguram as pontas. Aliás, nisto não há do que reclamar: existe personagens para todos os gostos. Ami, Rei, Mokoto e depois Aino. Tuxedo Mask possui uma das linhas mais interessantes na história. É com ele que começam a surgir mistérios, dúvidas e elementos que deixam o espectador querendo encaixar mais peças.

Sobre situações… não vou falar muito, mas são mal aproveitadas. Situações que beiram o ridículo e não chegam a cair na zona da comédia. Acabam sendo pura e simplesmente ridículas. A ação, devo admitir, é muito boa para um anime cujo foco não são as lutas. Eu esperava um desenvolvimento melhor de algumas personagens e relacionamentos. Os relacionamentos mais interessantes da série são os secundários e extremamente pontuais: Rei e Darien; Zoisite e Kunzite; Nephrite e Naru-chan.

O anime engrena bem na reta final, ou melhor, nos últimos 10 episódios, em que finalmente a história, literalmente, se desenrola. Muitas coisas era muito previsíveis para serem surpresas como a Rainha das Sailors; e algumas costuras no roteiro ficaram visíveis como a aparição de Artemis e Sailor Vênus, onde eles estavam esse tempo todo? Tirando uma folga?

Pode parecer que estou sendo muito rígido com um anime clássico feito em outra época. Tenho certeza que este anime é importante por ‘n’ motivos dentro do cenário nipônico e, inclusive, no cenário nacional. Mas já que não tenho a barreira do saudosismo para me impedir de falar algumas coisas então o digo. E não para demérito, mas sim para dizer, finalmente, que mesmo com todos os contras que eu elenquei Sailor Moon é uma serie que merece ser vista.  É impossível não se ligar a alguma das personagens principais e torcer para que ela apareça mais. E a animação, para a época, é muito boa. Acima da média, em especial por manter um padrão em todos os episódios sem decair drasticamente em Dragon Ball, por exemplo.

Finalizando, a diversão compensa.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

%d blogueiros gostam disto: